Rosa Monteiro


Nota biográfica

Doutorada em Sociologia, pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e Centro de Estudos Sociais. Prof. auxiliar do ISMT e investigadora do CES. O tema transversal ao seu trabalho tem sido as relações sociais de género, especialmente nos domínios do trabalho, emprego, organizações e políticas públicas. Desenvolveu pesquisa sobre a construção das identidades de homens e mulheres nos locais de trabalho; as experiências de mães trabalhadoras face ao modelo de maternalização intensiva. mais recentemente, centrou a sua análise no domínio das políticas de igualdade, mainstreaming de género e organismos oficiais para a igualdade.Participou nos estudos de avaliação do II e do III Planos Nacionais para a Igualdade. Integrou a equipa de avaliação da "Integração da perspetiva de género nos Fundos Estruturais: QREN e FEDER". Na sua dissertação de doutoramento, intitulada "Feminismo de Estado em Portugal: mecanismos, estratégias, politicas e metamorfoses", desenvolveu um estudo de caso sobre o principal organismo oficial para a igualdade e suas articulações com os movimentos de mulheres e outros atores políticos, na produção de políticas de igualdade. Foi conselheira em diversos projetos de promoção de Planos para a Igualdade em Câmaras Municipais e ONG. Tem diversas publicações sobre os temas referidos.


Últimas Publicações

Artigo em Revista Científica

Daniel, Fernanda Bento; Monteiro, Rosa; Jorge, Ferreira; Álvarez-Pérez, Pablo (2018), "Competencias éticas en la práctica profesional de las/los trabajadoras/es sociales con personas mayores", Papers. Revista de Sociologia, 103, 3

Artigo em Revista Científica

Monteiro, Rosa; Freitas, Vivalda; Daniel, Fernanda (2018), "Condições de trabalho num universo profissional feminizado", Revista Estudos Feministas, 26, 2, e34529

Artigo em Revista Científica

Monteiro, Rosa; Pereira, Marta; Daniel, Fernanda; Silva, Alexandre; Matos, Fatima (2017), "The influence of organizational reconciliation policies and culture on workers stress perceptions", BAR: Brazilian Administration Review, 14, 3, e170005