Artéria <br>o Centro em Movimento

Artéria
o Centro em Movimento

Período
1 de janeiro de 2018 a 31 de dezembro de 2020
Duração
36 meses
Financiamento
Fundação para a Ciência e Tecnologia
Resumo

O projeto Artéria, coordenado academicamente pelo Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e artisticamente pelo Teatrão, propõe para reflexão a forma como a atividade artística pode contribuir para refundar as bases da cidadania, da democracia e da sustentabilidade urbanas. O mote principal prende-se com o facto de a iniciativa integrar múltiplas dimensões, nomeadamente artística, cultural, cívica e académica, articuladas através de uma plataforma comum. Esta plataforma tem como objetivo facilitar uma conceção integrada das questões sociais e culturais dos territórios, articulando o conhecimento académico e não académico. Inclui para tal uma parceria com as seguintes cidades e territórios: Coimbra, Figueira da Foz, Viseu, Guarda, Tábua, Fundão, Belmonte e Ourém.
Pressupõe a criação de uma rede de instituições e organizações culturais, artísticas e académicas que funcionem como uma iniciativa de extensão comunitária e universitária, integrando saberes distintos (artes performativas, urbanismo, cidadania, cultura, música, entre outras) e que se propõem trabalhar de uma forma concertada para a criação de «Projetos Artísticos de Intervenção» em cada lugar/território.

Financiamento: Portugal 2020 (projeto CENTRO-07-2114-FEDER-000022-ID7000), coordenado P’lo Teatrão

Resultados

Criação de uma Plataforma online de mapeamento da realidade cultural tangível e intangível da região centro.

Criação de «Projetos Artísticos de intervenção» para cada cidade/território envolvido e que contribuam para a criação de um novo ordenamento cultural na região centro, assim como para a transformação da realidade cultural e social dos territórios

Criação de uma rede cultural sustentável (de âmbito nacional e internacional) que trabalhe a construção de cidadanias culturais

Articulação de diferentes tipos de conhecimento (local, académico, técnico, artístico)

 

Parceiros

O Teatrão (entidade coordenadora)

Municípios de Coimbra, Figueira da Foz, Viseu, Guarda, Belmonte, Ourém, Fundão e Tábua

Instituto Politécnico de Coimbra, Instituto Politécnico de Viseu, Instituto Politécnio da Guarda, Instituto Politécnico de Castelo Branco, Instituto Politécnico de Tomar

Investigadoras/es
webpage
www.redearteria.pt
Palavras-Chave
cidadania, mapeamento cultural, identidade, território, intervenção artística